O AMOR VERDADEIRO X AMOR ENGANOSO DO MUNDO TERRENO

Por NisleteLuz,

O Maior exemplo de amor foi deixado pelo único e maior Mestre na cruz. E o que a humanidade fez, ou, faz, diante desta lição? Tiraram a vida do filho de Deus.  

Usavam a Lei para alegar que o Senhor  Jesus descumpria a Lei, quando eles que descumpriam toda a Lei, inclusive um dos principais mandamentos da Lei -(não matarás- êxodo 20:13). 

 Da mesma maneira acontece atualmente, na hipocrisia, usam a Lei para roubar, matar e destruir a vida do semelhante. O Amor ficou muito bem explicado na cruz e bem exemplificado nas três passagens bíblicas:

(João 3:16) -(I Coríntios -13:1-13) - (I Timóteo 5:8).

A Cruz vazia é feita de um madeiro por mãos humanas e não conseguiu vencer o Mestre. É a única matéria que pode representar muito bem as obras do amor real -(DEUS).  

O Senhor Jesus venceu tudo que é terreno e não permaneceu pendurado no madeiro, está VIVO.

Observe que uma haste para formar uma cruz, precisa se unir a outra parte harmoniosamente do contrário são apenas dois pedações da matéria.

A Haste vertical: representa o relacionamento do ser humano com Deus, o amor a Deus sobre todas as coisas. 

A Haste horizontal: representa o relacionamento do ser humano consigo e com o seu próximo. Quem ama a Deus acima de tudo, tem amor próprio e cuida da sua vida espiritual. Fazendo assim consegue amar o seu semelhante, começando pelos da sua própria casa. 

E, este amor se estende a qualquer semelhante, por isso, jamais fará aos outros o que não deseja para si.

 Todos sabem que existe o céu acima da sua cabeça e o chão debaixo dos seus pés. Entretanto, ninguém consegue ver o que existe além do chão que pisam, na questão espiritual. 

Por mais que estudem, pesquisam; não conseguem mensurar os céus além das nuvens, descobrem apenas o que o Criador lhes permite saber.

Observe que Deus é tão Bom e Perfeito, que permitiu a parte externa do Céu ser vista pelos olhos terrenos, permite ver a chuva cair sobre justos e injustos. O Sol e as estrelas brilharem para todos.  

Já imaginou como seria se, durante a vida terrena você pudesse enxergar o inferno diariamente? Se assim fosse, lógico que todos escolheriam servi- Lo.

Mas, certamente fariam não por amá-lo, nem por temor no sentido de reverência e reconhecimento da sua Soberania e Glória. Mas, apenas por medo de queimar eternamente.

Ele é tão misericordioso, que não permitiu aos olhos terrenos verem a monstruosidade que é o inferno e o príncipe das trevas .

 O Todo Poderoso dotou os humanos de livre arbítrio; para fazer as próprias  escolhas e de inteligência, por isso temos a capacidade de pensar, decidir, escolher, criar, construir e até de destruir.

Todo Reino dividido contra si, não subsistirá. Observe que o reino das trevas se unem para matar, roubar e destruir.

O Amor não é e de confusão, não provoca divisões

O Amor promove Paz interior, transborda felicidade, independente de lutas, dificuldades, perseguições, ou quaisquer circunstâncias externas, os bons frutos nascem naturalmente. 

O Amor pode ser classificado como, amor fraternalque nos leva a fazer o bem pelos outros como se fosse a nós mesmos, independente se é do mesmo sangue ou não. 

E, existe o amor entre um casal (homem x mulher), que é semelhante a descrição acima, com mais profundidade e grau de intimidade.

Entre um casal envolve a união física e sentimental, que muitos confundem com paixão carnal, esta última atrai pelos olhos e geralmente a base são  sentimentos e emoções. Quando deixa de sentir, provoca desgostos e vai embora junto com os desejos e emoções. 

O Amor puro, segue o raciocínio é solidificado na rocha, no que é eterno, quanto mais lutas enfrenta, mais cresce. 

Nenhum ser humano consegue ser feliz e fazer outro feliz, se não tiver o Espírito de Deus como o seu guia. Por isso existe tantos divórcios, ninguém pode doar o que não tem, ou o que acha que tem. 

 Quando uma pessoa se ama, em casos de abusos por exemplo; se for necessário acionar a justiça, deve fazer, não revida com agressão, se assim fizer perde a razão e se torna igual ao agressor. 

Certamente o leitor conhece a frase; uma fonte de água doce, não jorra água salgada ou amarga. Exatamente isso; porque a água jorra de acordo com a fonte. 

Da mesma maneira que os frutos nascem naturalmente da árvore específica. 

Ou já viu nascer abacates do pé de laranjas?

O Amor é movido pelo Espírito de Deus. O ódio é movido por espírito maligno e este se alimenta de coisas que promovem os sentimentos passageiros e destrutivos.

Quem age pela razão, não faz tudo que sente, ou pensa impulsivamente, compreende o momento de falar, de calar, e tem plena consciência que sentimentos (bons ou ruins) são passageiros.  Consegue dominar os sentimentos, não se deixa dominar por eles, porque um dos frutos do amor é o domínio próprio.

Busque o Espírito do amor, com Ele, não terá dificuldades de perdoar, ou de se perdoar. Jamais semeará intencionalmente o ódio, a discórdia, porfias, traições, nem alimentará sentimentos de vingança.

Perdoar significa compreender que não é perfeito, e, saber que ao liberar o perdão torna-se livre para receber o perdão de Deus e ser feliz.

O Amor tudo suporta e doa Vida, não tira vidas. 

Vale ressaltar que este suportar; não significa tolerar maus tratos, agressões, injúrias. Significa, suportar sem revidar da mesma maneira em busca de vinganças, mas, mostrando o outro lado da moeda.

Reage diferente e de acordo com a Justiça, porque o Amor e a Justiça caminham juntos.

Quem ama de verdade, suporta diferenças toleráveis. De acordo com as coisas do bem, que podem ser mudadas para benefícios de ambos, e isso é muito difícil fazer.

Mas, é o Senhor capacita quem nEle confia.

 Vou trair porque te amo? 

 

 Apostasia & Últimos tempos

 

Melhores reflexões em imagens

 

O Que a Páscoa tem haver com chocolate?

 

Como era Jesus fisicamente?





Comentários